Política de Privacidade

A Ceva assumiu o compromisso de cumprir com os regulamentos aplicáveis relativos à proteção de dados pessoais.

A Ceva Saúde Animal atribui grande importância ao respeito da regulamentação aplicável em matéria de proteção dos dados pessoais.

A Ceva Saúde Animal compromete-se a aplicar as disposições do Regulamento Geral de Proteção de Dados (Regulamento UE 2016/679) “RGPD” e a proteger os dados pessoais recolhidos e tratados.

Assim, a Ceva Saúde Animal (ou Ceva) implementa procedimentos para garantir o respeito destas disposições no seio da sua organização, nomeadamente pelos seus colaboradores, parceiros e fornecedores que tratam dados pessoais, a saber:

► Tratamento dos dados pessoais de modo lícito, leal e transparente;

► Recolha dos dados pessoais para fins específicos, explícitos e legítimos e tratamento posterior compatível com estes fins;

► Conservação dos dados pessoais de modo adequado, pertinente e exclusivamente para os fins para os quais foram recolhidos;

► Exatidão dos dados pessoais e medidas para que os dados incorretos sejam apagados ou retificados.

Os nossos compromissos em relação à proteção dos seus dados

FAQ

  • O que é o GDPR ou RGPD?

GDPR “General Data Protection Regulation”

RGPD “Regulamento Geral de Proteção de Dados”

Trata-se de um diploma europeu de referência em matéria de proteção de dados pessoais.

Define um quadro jurídico único e harmonizado aplicável a todos os Estados Membros e visa garantir a proteção da vida privada e a proteção dos dados pessoais. 

 

  • Quem está implicado no RGPD?

O RGPD aplica-se não só às organizações localizadas na UE, como também às organizações localizadas fora da UE que forneçam bens ou serviços no território da União Europeia.

 

  • Quando entra em vigor o RGPD?

O Regulamento é aplicável a partir de 25 de maio de 2018 para toda a União Europeia.

 

  • O que é o tratamento de dados pessoais?

O tratamento de dados é definido como uma operação ou um conjunto de operações efetuadas por meio de procedimentos automatizados ou não, e aplicados a conjuntos de dados, como o registo, a organização, a estruturação, a conservação, a adaptação ou a alteração, a extração, a consulta, a utilização, a comunicação por transmissão, a difusão ou qualquer outra forma de colocar à disposição, a interligação ou conexão, a limitação, a eliminação ou a destruição.

 

  • Quais são os dados implicados pelo RGPD?

O RGPD apenas regula os dados pessoais que constituem todas as informações relativas a uma pessoa física identificada ou identificável.

 

  • Quais são os dados pessoais considerados sensíveis?

Informação relativa à origem racial ou étnica, às opiniões políticas, filosóficas ou religiosas, à filiação sindical, à saúde ou à vida sexual.

 

  • Como recolher e tratar os dados sensíveis?

Os dados sensíveis são dados que, pela sua natureza, implicam riscos para os direitos e liberdades das pessoas e que, por isso, estão sujeitos a um regime de proteção reforçada.

O RGPD coloca o princípio de interdição do tratamento de dados sensíveis, estando esta interdição associada a determinadas derrogações.

Estão previstas várias exceções, alternativas, à interdição do tratamento.

 

  • O que é um responsável de tratamento?

Uma pessoa física ou moral, uma autoridade pública, uma agência de outro organismo que, individualmente ou em conjunto com outros, determina os objetivos e os meios de tratamento dos dados pessoais.

 

  • O que é um subcontratado?

O subcontratado é definido como sendo a pessoa física ou moral, a autoridade pública, um serviço ou outro organismo que trata os dados pessoais por conta do responsável do tratamento.

 

  • Os tratamentos não informatizados estão implicados?

O RGPD aplica-se a todo o tratamento de dados pessoais, total ou parcialmente automatizado, assim como ao tratamento não automatizado de dados contidos ou que devem constar de um determinado ficheiro.

Um ficheiro não é exclusivamente uma base de dados ou uma tabela Excel. Pode tratar-se de um documento em papel, uma instalação de videovigilância que recolhe informações acerca de uma pessoa…

 

  • Quais são os principais objetivos do RGPD?

- Criar um quadro uniforme aplicável em toda a União Europeia e uma cooperação reforçada entre as autoridades de controlo

 

- Mudar a abordagem com uma responsabilização dos responsáveis de tratamento

Em aplicação do princípio da responsabilização, será implementado um registo das atividades de tratamento querelata de forma exaustiva os diferentes tratamentos de dados.

- Reforçar os direitos das pessoas

►   Direito à informação e ao consentimento: mais transparência

►   Direito de acesso e de retificação

►   Direito de eliminação através do direito ao esquecimento

►   Direito de objeção e de pedido de limitação

►   Direito de portabilidade dos dados

►   Direito de pedir indemnização

- Respeitar a vida privada e os dados pessoais desde a conceção, para os novos projetos, e por defeito, para os projetos em curso

Proteção dos dados desde a conceção

A proteção dos dados desde a conceção implica a implementação prévia e aquando da determinação dos meios do tratamento de medidas técnicas e organizacionais destinadas a pôr em prática os princípios relativos à proteção de dados da pessoa implicada, nomeadamente no que se refere aos riscos que advêm do tratamento para os direitos e liberdades das pessoas físicas

Proteção de dados por defeito

Por defeito, apenas os dados necessários à finalidade específica do tratamento são tratados. Estes princípios aplicam-se à quantidade dos dados, à extensão do seu tratamento, ao tempo de conservação e à sua acessibilidade. 

Análise de impacto relativa à proteção de dados

O regulamento prevê a obrigação, para os responsáveis do tratamento e para os subcontratados, de efetuar uma análise de impacto relativa à proteção dos dados previamente aos tratamentos suscetíveis de acarretar um risco elevado para os direitos e as liberdades das pessoas físicas.

Política de Privacidade

A empresa Ceva Saúde Animal  (doravante designada “Ceva”) atribui grande importância à proteção da vida privada e dos dados dos utilizadores dos seus sites.

No âmbito das suas atividades, a Ceva recolhe e trata dados de caráter pessoal na qualidade de responsável de tratamento e, consequentemente, submete-se às regras aplicáveis em matéria de proteção de dados pessoais e, em particular, ao Regulamento Geral de Proteção de Dados n.°2016/679 de 27 de abril de 2016 (designado “RGPD”), bem como a todas as regras de direito francês implementadas a partir deste último.

Esta Política de confidencialidade (doravante “a Política”) tem como objetivo informar de forma clara, simples e completa sobre o modo como a Ceva recolhe e utiliza determinados dados de caráter pessoal a seu respeito, nomeadamente através ou em relação a esses sites ou aplicações móveis, e sobre os meios de que dispõe para controlar esta situação e exercer os seus direitos relacionados.

1. EM QUE CIRCUNSTÂNCIAS SÃO RECOLHIDOS OS SEUS DADOS PESSOAIS?

A Ceva poderá ter de recolher os seus dados pessoais em diferentes circunstâncias (on-line ou fisicamente)

Por vezes, a Ceva pode recolher os seus dados através de formulários, nos quais os campos assinalados com um asterisco '*' são considerados como obrigatórios e devem ser preenchidos. Na falta destes não será possível aceder e utilizar determinados serviços.

  • Os dados que nos comunica ao criar uma conta nos nossos sites ou nas nossas aplicações móveis

Para poder utilizar determinados sites é necessário identificar-se e criar uma conta.

Aquando da criação de uma conta nos nossos sites ou nas nossas aplicações móveis, ser-lhe-á pedido que nos forneça determinados dados de caráter pessoal, e nomeadamente os seus dados de identificação.

Estes dados permitem-nos gerir a criação do seu perfil e assegurar a gestão da sua conta.

Estes tratamentos de dados são baseados na procura de um interesse legítimo por parte do responsável pelo tratamento em conformidade com o artigo 6.º do RGPD.

  • Os dados que nos comunica para responder a uma oferta de emprego ou a uma candidatura espontânea

No âmbito da gestão do recrutamento, a Ceva recolhe os dados de caráter pessoal referentes aos candidatos que advêm nomeadamente dos currículos e das cartas de motivação enviados, das entrevistas com a Ceva, ou em último caso, dos resultados dos testes psicotécnicos assim como das respostas às perguntas feitas nos formulários e destinadas a serem utilizadas.

Estes dados serão tratados exclusivamente pela Ceva e pelas suas filiais no âmbito do tratamento da sua candidatura.

A base jurídica assenta simultaneamente no consentimento e no interesse legítimo do responsável pelo tratamento, o qual deve assegurar a gestão do recrutamento.

  • Os dados recolhidos automaticamente quando visita os nossos sites

Quando navega nos nossos sites, poderão ser alojados cookies no seu terminal (computador, smartphone, tablet), sem prejuízo das escolhas que terá expressado e que pode alterar a qualquer momento.

Um cookie é um pequeno ficheiro de texto que contém informações relativas à navegação nesses sites, cujo principal objetivo é melhorar a sua visita e oferecer-lhe serviços personalizados.

Quando visita os nossos sites, a Ceva utiliza cookies de medição de audiência. Os cookies de medição de audiência permitem-nos compreender melhor o modo como os sites são utilizados, analisar a ergonomia dos mesmos e detetar e resolver problemas técnicos.

Estes cookies são submetidos ao consentimento do Utilizador.

Queira consultar a nossa Política sobre Cookies para obter mais informações – inserir a ligação.

  • Os dados que nos comunica ao inscrever-se para as nossas newsletters

A Ceva criou newsletters que lhe permitem manter-se informado sobre as novidades da Ceva.

Ao fornecer-nos o seu endereço de e-mail expressa o seu acordo para receber as newsletters da Ceva.

Pode retirar o seu consentimento e cancelar a subscrição da Newsletter a qualquer momento clicando na ligação de cancelamento de subscrição que se encontra no rodapé da newsletter.

  • Os dados que comunica através de formulários de contacto

A Ceva dispõe de formulários de contacto

Os dados que introduz nesses formulários permitem-nos responder aos seus pedidos. Este tratamento assenta no seu consentimento prévio.

Os dados pessoais não são utilizados para outro fim.

  • Os dados que comunica para participar num jogo

O tratamento de dados de caráter pessoal implementado pela Ceva assenta no seu consentimento prévio.

Os dados pessoais não são utilizados para outro fim.

  • Exigência legal ou regulamentar

A Ceva poderá ter que recolher ou comunicar os seus dados pessoais a fim de respeitar pedidos de natureza legal ou regulamentar, decisões judiciais, atribuições ou procedimentos jurídicos, se o respeito pela legislação em vigor assim o exigir.

  • Dados transmitidos através de redes sociais

Se tem conta nalguma rede social e proceder a uma identificação num site ou numa aplicação móvel da Ceva através desta funcionalidade sem inscrição prévia no site ou na aplicação móvel, a Ceva pode receber informações provenientes dessa rede social.

Estas informações permitem a sua autenticação e a criação de uma conta.

As condições de partilha e de comunicação destas informações estão previstas nas condições de inscrição nas redes sociais, estando sujeitas, de qualquer forma, ao seu consentimento prévio.

2. QUAL É A NOSSA POLÍTICA REATIVAMENTE AOS DADOS QUE PERTENCEM A MENORES DE IDADE?

A Ceva atrabui grande importância à proteção dos dados de caráter pessoal de menores de idade.

Os nossos sites não se destinam a pessoas com menos de 18 anos e não recolhemos dados pessoais dessas pessoas. Os menores de idade devem ter a autorização dos pais ou do encarregado de educação antes de fornecerem os seus dados pessoais.

Se constatarmos que dados pessoais de menores de idade foram recolhidos sem a autorização prévia dos pais, procederemos de imediato à destruição dos mesmos.

3. DURANTE QUANTO TEMPO SÃO GUARDADOS OS DADOS E QUE PROCEDIMENTO EXISTE PARA A SUA SUPRESSÃO?

A Ceva guarda os seus dados pessoais apenas durante o tempo necessário à realização dos fins em causa, sob reserva de possibilidades legais de arquivo, de obrigações de conservação de certos dados e/ou de concessão de anonimato.

Estes períodos de conservação de dados são definidos em função dos fins do tratamento e têm em conta, entre outros aspetos, as disposições legais aplicáveis que impõem determinados períodos específicos de conservação.

Mostramos de seguida alguns exemplos de períodos de conservação  aplicáveis: 

  • Gerir a sua inscrição numa conta: os seus dados serão tratados até ao momento em que decidir fechar a sua conta. Poderá eliminar a sua conta a qualquer momento, acedendo aos seus parâmetros de conta.

Todavia, se não se tiver conectado no nosso site há mais de três anos, eliminaremos a sua conta.

► Formulário de contacto: trataremos os seus dados durante o tempo necessário para o tratamento do seu pedido. De qualquer forma, os seus dados serão suprimidos no fim de um período de 2 anos a contar do último contacto da sua parte.

► Newsletter: trataremos os seus dados pessoais até cancelar ou anular a sua subscrição da newsletter.

► Jogo: os seus dados podem ser guardados após o fim do jogo por motivos legais.

► Candidatura: os seus dados pessoais serão mantidos durante um período máximo de 2 anos a contar do último contacto efetuado.

4. A QUEM PODEMOS TRANSMITIR OS SEUS DADOS PESSOAIS?

Sendo os seus dados pessoais confidenciais, apenas as pessoas devidamente habilitadas pela Ceva em virtude das suas funções poderão aceder aos seus dados pessoais, sem prejuízo da sua eventual transmissão exigida pela regulamentação aplicável.

A Ceva compromete-se a tomar todas as medidas organizacionais e técnicas adequadas para preservar a segurança, a integridade e a confidencialidade dos dados.

Não vendemos os dados pessoais a terceiros.

Os seus dados pessoais podem ser transmitidos a empresas pertencentes ao grupo Ceva.

Os nossos prestadores de serviços habilitados podem igualmente ser levados a tratarem os seus dados pessoais, os estritamente necessários à realização das tarefas que lhes forem confiadas: trata-se mais particularmente da realização de prestações de serviços como a gestão da relação com o cliente, da organização dos jogos-concursos, da gestão dos programas de fidelização, do envio de e-mails para fins de marketing, do armazenamento de dados...

Em certas circunstâncias, podemos transferir os seus dados pessoais para fora da UE, para países que não oferecem uma proteção suficiente em termos de tratamento de dados pessoais segundo as normas da UE. Nestes casos, garantimos a segurança da transferência e o tratamento no âmbito do quadro jurídico adequado para assegurar um nível elevado de proteção de dados, qualquer que seja o local onde as suas informações sejam tratadas. A sua transferência pode basear-se no “Privacy Shield”, um processo de auto-registo que fornece às empresas um mecanismo para estarem em conformidade com as exigências da UE em matéria de proteção de dados.

De igual modo, poderemos ser levados a partilhar estes dados com administrações e organismos públicos na aplicação de disposições legais.

5. COMO É GARANTIDA A SEGURANÇA DOS SEUS DADOS PESSOAIS?

A Ceva zela pela proteção e conservação dos seus dados pessoais a fim de assegurar a confidencialidade dos mesmos e para impedir que sejam deturpados, danificados, destruídos ou divulgados a terceiros não autorizados.

Quando a divulgação de dados a terceiros é necessária e consentida, a Ceva assegura-se que esses terceiros garantam aos dados pessoais o mesmo nível de proteção que aquele oferecido pela Ceva, exigindo garantias contratuais prevendo nomeadamente que, os dados pessoais sejam tratados exclusivamente para os fins autorizados, com toda a confidencialidade e segurança exigíveis.

A Ceva implementa medidas técnicas e organizacionais para garantir que os dados pessoais são conservados da forma mais segura possível, e isto, pela duração necessária ao exercício dos fins em causa, em conformidade com as normas de direito aplicáveis.

Ainda que a Ceva tome todas as medidas razoáveis para proteger os seus dados pessoais, nenhuma tecnologia de transmissão ou de armazenamento é totalmente infalível.

Em conformidade com as normas de direito aplicáveis, em caso de infração confirmada contra os dados pessoais, suscetível de acarretar riscos elevados para os direitos e liberdades das pessoas implicadas, a Ceva compromete-se a comunicar essa violação à autoridade de controlo competente e, quando tal for exigido pela dita regulamentação, às pessoas implicadas.

Sem prejuízo do exposto anteriormente, cabe a si acautelar-se para impedir todo e qualquer acesso não autorizado aos seus dados pessoais e aos seus terminais (computador, smartphone, tablet, …), nomeadamente através da escolha de uma palavra-passe mais segura.

6. QUAIS SÃO OS SEUS DIREITOS?

Sob reserva das condições previstas pela regulamentação em vigor, no âmbito dos dados pessoais, dispõe dos seguintes direitos:

  • Direito de informação sobre o tratamento dos seus dados pessoais

A Ceva esforça-se por lhe fornecer uma informação concisa, transparente, compreensível e facilmente acessível, com termos claros e simples, em relação às condições de tratamento dos seus dados pessoais.

  • Direito de acesso e de retificação e direito à eliminação (ou “direito ao esquecimento”) dos seus dados pessoais

O direito de acesso permite-lhe obter junto da Ceva a confirmação de que os seus dados pessoais são tratados, pelos seus meios ou não, e obter as condições desse tratamento assim como receber uma cópia (para qualquer cópia suplementar, a Ceva está no direito de exigir o pagamento eventual de despesas razoáveis baseadas nos custos administrativos originados). Quando esse pedido é apresentado por via eletrónica, as informações são fornecidas sob forma eletrónica de uso corrente, a menos que nos peça de outro modo.

Tem igualmente o direito de obter, o mais brevemente possível, a retificação dos seus dados pessoais que estiverem incorretos ou incompletos.

Por último, sob reserva das exceções previstas pelo direito aplicável (ex.: conservação necessária para respeitar uma obrigação legal), tem o direito de pedir a eliminação, o mais brevemente possível, dos seus dados pessoais quando se aplicar um dos seguintes motivos:

► Os seus dados pessoais já não são necessários para os fins para os quais foram recolhidos ou tratados;

► Deseja retirar o seu consentimento sobre o qual estava baseado o tratamento dos seus dados pessoais, e não existe outro fundamento que justifique o dito tratamento;

► Considera e pode provar que os seus dados pessoais foram objeto de tratamento ilícito;

► Os dados pessoais devem ser apagados em virtude de uma obrigação legal.

  • Direito à limitação do tratamento dos seus dados pessoais

A regulamentação aplicável prevê que este direito pode ser evocado em determinados casos, particularmente nos seguintes:

► Quando contesta a exatidão dos seus dados de caráter pessoal, esses tratamentos de dados poderão ser limitados à duração necessária para a verificação da exatidão dos mesmos;

► Quando considera e pode provar que o tratamento dos dados de caráter pessoal é ilícito, mas que se opõe à eliminação dos dados, nesta situação pode exigir em vez disso a limitação do tratamento;

► Quando a Ceva não precisar mais dos seus dados de caráter pessoal, mas que estes ainda lhe são necessários para a constatação, o exercício ou a defesa dos direitos perante a justiça;

► Quando se opõe ao tratamento que seria baseado no interesse legítimo do responsável do tratamento, durante a verificação, estando a questão em saber se os motivos legítimos perseguidos pelo responsável prevalecem sobre os seus.

  • Direito de objeção, inclusive de prospeção

Pode objetar a qualquer momento o tratamento dos seus dados pessoais, inclusive um perfil prévio, por razões associadas à sua situação particular. Já não haverá mais tratamento dos seus dados a menos que existam motivos legais e imperiosos para esse tratamento, os quais prevalecem sobre os seus interesses, direitos e liberdades ou razões ligadas à constatação, ao exercício e à defesa dos direitos perante a justiça. Quando o tratamento se destina a fins de prospeção, pode objectar a mesma a qualquer momento. Nesse caso também deixará de receber ofertas personalizadas.

  • Direito à portabilidade dos dados pessoais

Quando o tratamento é baseado no seu consentimento ou num contrato, este direito à portabilidade permite-lhe receber os dados pessoais que forneceu à Ceva num formato estruturado, frequentemente utilizado e legível por máquina, e transmitir esses dados pessoais a outro responsável pelo tratamento sem que a Ceva coloque entraves a isso. Quando tal for tecnicamente possível, pode pedir que estes dados pessoais sejam transmitidos diretamente pela Ceva a outro responsável pelo tratamento.

  • Direito de retirada de consentimento do tratamento dos seus dados pessoais

Quando a Ceva trata os seus dados pessoais na base do seu consentimento, este pode ser-lhe retirado a qualquer momento.

No entanto, e em conformidade com as leis aplicáveis, a retirada do consentimento apenas é válida para situações futuras e não põe em causa a legitimidade do tratamento efetuado antes da retirada do consentimento.

  • Direito de fazer uma reclamação perante uma autoridade de controlo

Se, apesar dos esforços envidados pela Ceva para preservar os seus dados pessoais, considerar que os seus direitos não são respeitados, pode apresentar uma reclamação junto de uma autoridade de controlo.

Uma lista das autoridades de controlo está disponível no site da Comissão Europeia.

  • Direito de decidir acerca do destino dos seus dados pessoais após a sua morte

Por fim, tem direito a decidir o destino dos seus dados pessoais post-mortem através da adoção de diretivas gerais ou específicas. A Ceva compromete-se a respeitar essas diretivas.

Na ausência das mesmas, a Ceva reconhece aos herdeiros a possibilidade de exercerem determinados direitos, em particular, o direito de acesso, se for necessário para o tratamento do processo de sucessão do defunto; e o direito de oposição para proceder ao fecho das contas de utilizador do defunto e de objectar o tratamento dos seus dados.

Para qualquer questão relativa à presente Política de Confidencialidade e/ou para exercer os seus direitos tais como descritos acima, pode dirigir-se à Ceva através de um formulário.

A Ceva compromete-se a responder o mais brevemente possível e, em qualquer caso, no prazo de um mês a contar da data da receção do seu pedido.

Se for necessário, esse prazo poderá ser prolongado para dois meses, tendo em conta a complexidade e o número de pedidos dirigidos à Ceva. Nesse caso, será informado do prolongamento e dos motivos do mesmo.

Se o seu pedido for apresentado por via eletrónica, as informações ser-lhe-ão igualmente dadas por essa via quando tal for possível, a menos que solicite expressamente que seja de outro modo.

Se a Ceva não der seguimento ao seu pedido, informará os motivos dessa inação e poderá reclamar junto de uma autoridade de controlo e/ou interpor recurso contecioso.

Política de Cookies

A presente política de cookies aplica-se quando visitar os sites e as aplicações móveis da Ceva Saúde Animal (Ceva) 

Quando navegar nestes sites pode receber cookies enviados e gerados pela Ceva Saúde Animal, bem como cookies enviados a partir de outros sites ou servidores explorados por terceiros («Cookies de terceiros»).

1. O QUE É UM COOKIE

O termo «cookies» abrange o conjunto de marcadores guardados no seu dispositivo (computador, smartphone, tablet) e/ou lidos a partir deste quando visita  um site ou uma aplicação móvel (site) ou quando vê um anúncio publicitário. Os cookies visam recolher informações sobre os sites em que navega e enviar serviços personalizados.

2. QUE COOKIES ?

2.1. COOKIES TÉCNICOS

São cookies indispensáveis ao bom funcionamento e à boa navegação nos nossos sites e à melhoria das funcionalidades e do desempenho dos mesmos.

No entanto, se desativar o uso destes cookies deixará de poder beneficiar de determinadas funcionalidades.

Estes cookies não recolhem dados pessoais.

2.2. COOKIES DE DESEMPENHO

São cookies que permitem reunir informações sobre a utilização dos nossos sites, permitindo melhorar o seu conteúdo e/ou a sua adaptação.

Permitem-nos recolher informações sobre a forma como utiliza o site, o número de visitas por página, o tempo que permanece numa página, ou ainda o número de cliques que faz.

Todos estes cookies são ativados automaticamente quando os aceita. No entanto, se desejar desativá-los, poderá consultar o ponto «Faça a sua escolha» apresentado a seguir.

As informações armazenadas não podem ser usadas para fins comerciais.

2.3. COOKIES PUBLICITÁRIOS

Estes cookies permitem que lhe sejam apresentados anúncios publicitários adaptados aos seus interesses e medir a eficácia das nossas campanhas publicitárias.

Cookies de medição
Os cookies de medição permitem-nos avaliar a eficácia das nossas campanhas publicitárias. 

Cookies de direcionamento

Estes cookies permitem-nos conhecer os seus hábitos de navegação para podermos enviar-lhe informações publicitárias que possam ser do seu interesse.

Os cookies de direcionamento permitem-nos:

  • Recolher dados pessoais ou não pessoais através de questionários,
  • Conhecer o conteúdo das páginas visitadas,
  • Conhecer as informações que decidiu partilhar quando se inscreveu noutros sites,
  • Conhecer as páginas e os sites que visitou recentemente ou imediatamente antes de chegar ao site,
  • Conhecer a sua localização.
2.4. COOKIES EMITIDOS POR TERCEIROS - PIXEL

Podemos incluir nos nossos sites cookies de terceiros que lhe permitem partilhar conteúdos dos nossos sites.

Esses cookies não são gerados pela Ceva e não temos qualquer controlo no processo usado pelas redes sociais para recolher as informações relativas à sua navegação nos nossos sites em articulação com os dados pessoais que estas dispõem.

A emissão e utilização de cookies por terceiros estão submetidas às políticas de proteção de privacidade desses terceiros.

Sugerimos que consulte as políticas de proteção de privacidade dessas redes sociais por forma a conhecer os respetivos fins de utilização, nomeadamente no que se refere à publicidade e às informações de navegação que possam recolher com os botões das aplicações. Essas políticas de proteção devem, em particular, permitir-lhe exercer as suas escolhas a partir das referidas redes sociais, nomeadamente através da configuração das suas contas de utilizador.

3. COMO CONTROLAR OS COOKIES

3.1 ACORDO

Aquando da sua primeira ligação aos nossos sites ser-lhe-á pedido que aceite os cookies.

A duração da validade deste consentimento é no máximo de 13 meses. 

3.2 REJEIÇÃO DOS COOKIES

Pode alterar ou rejeitar a recolha de informação via Cookies gerindo ativamente as configurações do seu navegador.

  • Ativar ou desativar totalmente os cookies;
  • Eliminar os cookies específicos que já estão armazenados no seu computador;
  • Impedir determinados sites de poderem gravar cookies no seu computador;
  • Bloquear os cookies de terceiros (ao navegar num site, os cookies são armazenados no seu computador por outro site).

No entanto, qualquer configuração que fizer poderá ser suscetível de alterar a sua navegação e as condições de acesso a determinados serviços que necessitam da autorização de utilização de cookies.

Assim, desaconselhamos a rejeição de utilização de cookies técnicos, que são necessários ao funcionamento do site e cuja rejeição não possibilita uma normal navegação.

Apesar disso, a rejeição dos cookies de direcionamento e de medição apenas causa a interrupção de anúncios publicitários nos nossos sites ou na Internet, sendo que deixarão de ser adaptados aos seus interesses.

3.3. FAÇA A SUA ESCOLHA

Configuração do software de navegação

Para o fazer, siga as instruções dadas pelo seu navegador.

Também pode clicar nas ligações abaixo para aceder às instruções de alguns dos navegadores mais populares:

Internet Explorer: http://windows.microsoft.com/fr-FR/windows-vista/Block-or-allow-cookies,

Safari: http://support.apple.com/kb/PH5042,

Firefox:http://support.mozilla.org/fr/kb/Activer%20et%20d%C3%A9sactiver%20les%20cookies,

Opera: https://help.opera.com/en/latest/security-and-privacy/

Chrome: https://support.google.com/chrome/answer/95647?hl=fr

Mozilla Firefox: https://support.mozilla.org/fr/kb/activer-desactiver-cookies

iOS: https://support.apple.com/fr-fr/HT201265

Android: https://www.wikihow.com/Disable-Cookies#Android_Devices

Cookies de terceiros

Apenas o emissor dos cookies de terceiros em questão pode ler ou alterar os elementos contidos nesses cookies. Os cookies de terceiros estão sujeitos às políticas de proteção de privacidade dos referidos terceiros.

Para saber mais e fazer a sua escolha em relação a estes cookies, pode clicar nas seguintes ligações:

3.4. PARA MAIS INFORMAÇÕES

Além do referido, para saber mais sobre como funcionam os cookies e a publicidade direcionada pode consultar:

Digital Advertising Alliance nos Estados-Unidos: Digital Advertising Alliance

Digital Advertising Alliance of Canada no Canadá: Digital Advertising Alliance of Canada

European Interactive Digital Advertising Alliance na Europa: European Interactive Digital Advertising Alliance

Estas organizações permitem que cancele a inscrição de publicidade online baseada nos seus interesses e de todas as empresas associadas

YourOnlineChoices: http://www.youronlinechoices.com/fr/controler-ses-cookies

Este site permite gerir, por meio de uma interface centralizada, a sua rejeição ou aceitação dos cookies suscetíveis de serem utilizados. 

Para saber mais sobre cookies, pode consultar o site da Comissão Nacional de Informática e Liberdades: http://www.cnil.fr/vos-libertes/vos-traces/les-cookies/.

4. ATUALIZAÇÃO DA POLITICA DE COOKIES

A política de cookies pode ser atualizada ao longo do tempo. As alterações entrarão em vigor imediatamente após a afixação da Política de cookies alterada. Sugerimos que leia regularmente a Política de cookies para se inteirar de possíveis alterações.

Termos de Utilização

Termos De Utilização

I. CONTEÚDO E ACESSO AO SITE

A. CONTEÚDO DO SITE

O Site do Grupo Ceva Santé Animale (adiante designado por “Site”) foi criado para fornecer aos Utilizadores informação sobre a empresa, a sua organização, investigação, produtos, política de recursos humanos, localizações, comunicação. Em nenhuma circunstância deverá este Site constituir uma proposta contratual.

Qualquer pessoa singular ou coletiva, que se ligue, navegue ou utilize o Site (adiante designada por “Utilizador”), reconhece que leu os presentes Termos de Utilização (adiante designados por "Termos de Utilização" ou "Termos") no momento da sua ligação ao Site e que os aceita sem quaisquer reservas. O facto de o Utilizador não ter que clicar para aceitar os Termos de Utilização não constitui qualquer obstáculo à sua oponibilidade.

Visto que, no que se refere a medicamentos veterinários, a comunicação ao público é objeto de regulamentação específica, a informação que o Utilizador encontra no Site não deverá ser utilizada para dar um parecer médico ou para substituir uma consulta junto de um profissional de saúde.

Da mesma forma, esta informação não poderá ser interpretada como uma recomendação sobre a utilização de quaisquer produtos sem o conselho de um veterinário

A Ceva compromete-se a verificar se o conteúdo do Site se encontra em conformidade com as disposições legais em vigor. A Ceva compromete-se ainda a não divulgar quaisquer dados em violação dos direitos de terceiros, ou que sejam violentos, pornográficos ou difamatórios, e a não divulgar conteúdos ilegais, incluindo conteúdos racistas, xenófobos, pedófilos ou prejudiciais para a dignidade humana.

A Ceva esforça-se por atualizar o conteúdo do Site e por fornecer ao Utilizador informações precisas. A Ceva não poderá, no entanto, ser responsabilizada por quaisquer erros e/ou omissões que possam ocorrer. O Utilizador poderá comunicar qualquer erro ou omissão para o seguinte endereço de e-mail: cevaportugal@ceva.com

Se desistir de utilizar o Site, o Utilizador continuará a ser responsável pela utilização do Site, incluindo a sua utilização anterior.

A Ceva reserva-se o direito de, sem aviso prévio, alterar, fechar, suspender ou descontinuar a totalidade ou parte dos serviços ou do conteúdo do Site.

O Site poderá conter ligações de hipertexto para outros sites que não são geridos e/ou editados pela Ceva. A Ceva não controla, por qualquer forma, as informações, produtos ou serviços oferecidos pelos referidos sites, não podendo, de forma alguma, ser responsabilizada pelo conteúdo dos mesmos. A utilização desses Sites pelo Utilizador é da inteira responsabilidade deste último.

B. ACESSO AO SITE

A consulta deste Site é acessível a qualquer Utilizador que disponha de acesso à internet. A Ceva esforça-se para manter o Site acessível 24 horas por dia, 7 dias por semana, sem ter qualquer obrigação de obter resultados nesse sentido.

O acesso ao Site poderá ser interrompido para efeitos de manutenção, atualização e por qualquer outro motivo, incluindo, de âmbito técnico.

Em nenhuma circunstância deverá a Ceva ser responsabilizada pelas referidas interrupções nos serviços e pelas consequências que daí possam advir para o Utilizador.

Além do mais, a Ceva não poderá ser responsabilizada pela presença de vírus no Site e por quaisquer consequências que daí possam advir para o Utilizador,

C. UTILIZAÇÃO DO SITE

O Utilizador está autorizado a:

- Visualizar a totalidade ou parte do site,

- Preencher as informações relativas à Conta de Utilizador (adiante definida).

O Utilizador não está autorizado a:

- Copiar, distribuir (incluindo cópias), alterar ou, por qualquer forma, falsificar a totalidade ou parte dos elementos deste Site - eliminar, em qualquer elemento copiado ou impresso a partir deste Site, qualquer menção do titular dos direitos de autor, marca registada ou qualquer outra cláusula relativa a propriedade intelectual incluída no elemento original.

Se o Utilizador pretender criar um hipertexto ou qualquer outra ligação ao Site, deverá enviar um e-mail para o seguinte endereço: contact@ceva.com, indicando:
- o(s) URL(s) da(s) página(s) a partir da(s) qual(ais) o Utilizador pretende propor uma ligação ao Site,

- o(s) URL(s) da(s) página(s) em relação à qual o Utilizador pretende propor uma ligação.

A Ceva compromete-se a analisar o pedido do Utilizador, mas não é obrigada a fazê-lo.

Qualquer utilização fraudulenta do Site ou do seu conteúdo e qualquer violação dos presentes Termos pode resultar na aplicação de sanções penais e civis previstas na lei.

II. CRIAÇÃO E UTILIZAÇÃO DA CONTA DE UTILIZADOR

No caso de o Site permitir a abertura de uma Conta de Utilizador, o Utilizador concorda em cumprir com as normas aplicáveis à criação e utilização da Conta de Utilizador adiante definida.

A. CRIAÇÃO DE CONTA DE UTILIZADOR

O Utilizador terá obrigação de apresentar o formulário de inscrição proposto pela Ceva e fornecer os dados requeridos relativos ao mesmo. O Utilizador deverá ainda definir um identificador e uma senha (adiante designados por "Códigos de Ligação"), que lhe permitirão aceder à respetiva Conta de Utilizador.

O não preenchimento da informação obrigatória requerida implicará a recusa da criação da Conta de Utilizador.

Qualquer Utilizador poderá registar-se apenas uma vez no Site.

O Utilizador garante que as informações por ele fornecidas são precisas e completas, comprometendo-se a fazer o que for necessário para assegurar que assim permaneçam. O Utilizador compromete-se, designadamente, a fornecer apenas informações verdadeiras e reais.

No caso de a informação fornecida ser falsa, incompleta ou desatualizada, a Ceva reserva-se o direito de suspender ou fechar a Conta de Utilizador, de forma temporária ou permanente.

O processamento de dados pessoais fornecidos pelo Utilizador ao controlador de dados da Ceva em conexão com a criação e utilização da Conta de Utilizador está sujeito às disposições da Política de Privacidade da Ceva especificada no Site.

O Utilizador concorda em não divulgar, de forma alguma, os seus Códigos de Login a terceiros e em informar a Ceva sobre qualquer utilização ou suspeita de utilização dos referidos Códigos por terceiros não autorizados. O Utilizador é o único responsável pelo armazenamento confidencial dos seus Códigos de Ligação e por qualquer utilização que deles possa fazer.

B. UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DA CONTA DE UTILIZADOR

O Utilizador compromete-se a respeitar as condições específicas dos Serviços oferecidos no Site.

Designadamente, como parte dos Serviços oferecidos, a apresentação na Conta de Utilizador de uma fotografia, criação ou testemunho (adiante designados por "Conteúdo"), concede à Ceva e às suas associadas um direito não exclusivo e globalmente transferível, irrevogável e perpétuo, à utilização livre, tal como descrita, do Conteúdo no suporte de sua escolha.

A Ceva compromete-se a mencionar os direitos de autor, no caso de utilização ou reprodução do Conteúdo do Utilizador.

C. FECHAR A CONTA DE UTILIZADOR

Em qualquer momento, o Utilizador poderá proceder à eliminação da sua conta através de acesso à sua Conta de Utilizador. Ao fechar a Conta de forma automática e imediata, o Utilizador irá pôr fim ao acesso aos ficheiros anexos à mesma.

Em caso de incumprimento dos presentes Termos, a Ceva reserva-se o direito de recusar o acesso aos serviços e de fechar a Conta de Utilizador.

III. DIREITOS DE PROPRIEDADE INTELECTUAL

O Site é propriedade da Ceva e operado por esta. A apresentação do Site e de cada um dos elementos, incluindo marcas registadas, logótipos e nomes de domínio, que aparecem no Site ou no seu componente, são protegidos pela legislação em vigor relativa à propriedade intelectual, e (i) são mantidos pela Ceva ou pelas suas subsidiárias ou associadas, ou (ii) são detidas por terceiros, estando sujeitas a uma licença de utilização e utilização concedida à Ceva pelos seus proprietários.

Nada contido no Site ou no respetivo Componente poderá ser reproduzido, utilizado, alterado, reunido, descompilado, cedido, licenciado, transferido, copiado, traduzido, vendido, publicado, explorado ou, por qualquer forma, divulgado em qualquer suporte, parcial ou totalmente, sem o prévio consentimento escrito da Ceva. Apenas a cópia para uso privado é autorizada para utilização pessoal, privada e não-comercial, no computador pessoal do Utilizador ou através das ferramentas de partilha oferecidas no Site.

Qualquer utilização formalmente autorizada pela Ceva no que se refere ao conteúdo do Site deverá ser realizada sem qualquer forma de desnaturação, modificação ou alteração.

A violação destas disposições obrigatórias sujeita o Utilizador e todas as pessoas responsáveis às sanções criminais e civis previstas na lei francesa.

A Ceva ou as suas associadas reservam-se o direito de apresentar queixa contra qualquer infração relativa aos seus direitos de propriedade intelectual.

IV. RESPONSABILIDADE DO UTILIZADOR

O hardware e software necessários para aceder ao Site e utilizá-lo são da responsabilidade do Utilizador, que será responsável pelo bom funcionamento dos seus equipamentos e acesso à Internet.

O Utilizador é obrigado a adotar todas as medidas preventivas necessárias para proteção de seus dados, software e/ou sistemas informáticos, para evitar a contaminação com possíveis vírus.

A utilização do conteúdo disponibilizado através do Site é da responsabilidade do Utilizador. Os factos ou atos que o Utilizador teria que executar em função dessas informações não poderão envolver qualquer outra responsabilidade que não seja a do Utilizador. O acesso aos conteúdos disponibilizados no Site é da responsabilidade do Utilizador e a Ceva não poderá ser responsabilizada pelos danos ou perda de dados que possam decorrer do download ou da utilização dos conteúdos divulgados no Site.

O Utilizador é o único responsável perante a Ceva e, se for o caso, perante terceiros, por quaisquer danos, diretos ou indiretos, de qualquer natureza, causados por qualquer conteúdo de qualquer natureza, que seja comunicado, transmitido ou divulgado pelo Utilizador, através do Site, bem como por qualquer violação dos presentes Termos e da política de privacidade.

Aviso Legal

CEVA SAUDE ANIMAL LDA (« CEVA »)

Rua Doutor António Loureiro Borges, 9/9A - 9ºA

MIRAFLORES

1495-131 ALGÉS

RC Lisboa 4470/940114

Tel: +351.214.228.400

Fax:+ 351 214 228 422

Email: cevaportugal@ceva.com

Diretor da publicação: Sr. Antonio TEIXEIRA – Diretor Geral da CEVA

Este Site é hospedado pela empresa: Clever Age

Política de Privacidade - Contacto

A Ceva Saúde Animal compromete-se a assegurar a recolha e o tratamento dos dados pessoais nos termos do Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) De acordo com os Regulamentos relativos aos dados pessoais, tem o direito de aceder, retificar, solicitar uma limitação ao tratamento dos seus dados pessoais, Pode também, em certos casos limitados, opor-se ao tratamento, retirar o seu consentimento, solicitar o seu apagamento e solicitar a portabilidade dos seus dados. Para lhe permitir o exercício dos seus direitos decorrentes do RGPD, por favor preencha o formulário abaixo. Os seus dados serão tratados para possibilitar a resposta ao seu pedido. Não serão recolhidos nem conservados pela Ceva para nenhuma outra finalidade.e

O seu pedido foi enviado. Iremos contactá-lo o mais breve possível. Os seus dados serão tratados para possibilitar a resposta ao seu pedido. Em nenhum caso serão recolhidos ou conservados pela Ceva para outras finalidades

Voltar ao topo